O Sindicato - Quem Somos

Uma entidade livre,
combativa e democrática

O ano era 1960

O mundo vivia um momento de efervescência cultural. Protestos da população negra dos Estados Unidos contra a discriminação racial espalhavam-se pelo Sul do país. No Brasil, o presidente Juscelino Kubitschek inaugurava a cidade de Brasília, então a nova capital do país.

O Brasil estava perto de conhecer os horrores do golpe militar. Rebeldia e contestação marcavam comportamentos dos jovens que buscavam mudanças.

Neste contexto surgia o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Blumenau e Região (Seeb). Fundada em 15 de setembro de 1960, a entidade se consolida pela defesa dos bancários ao longo dos 61 anos de atuação.

Sobre o sindicato dos bancários

Através da mobilização coletiva, o sindicato fortalece a defesa dos trabalhadores. O apoio se confirma em lutas e movimentos sociais como o grito dos excluídos, o Movimento dos Atingidos pelo Desastre em Blumenau, manifestações que garantiram as suspensões do aumento da passagem do ônibus e da concessão do esgoto à iniciativa privada. O pioneirismo sempre foi uma característica dos trabalhadores que atuam em bancos em todo o país. Em 1933, bancários conquistaram a jornada de seis horas. Em 1992, pela primeira vez na história sindical do Brasil, uma categoria conseguiu um acordo único para todo país, o que fortaleceu a luta e permitiu a unificação do piso salarial.

Em Blumenau, bancários saíram na frente como a primeira categoria a aderir a uma greve nacional na cidade após a ditadura, em 1985.

Em 1989, os bancários obtiveram o vale refeição. Na busca por uma remuneração mais digna, a Participação nos Lucros e Resultados (PLR) se tornou realidade em 1995. O ano de 2004 entrou para a história como o palco da primeira campanha nacional unificada entre funcionários de bancos públicos e privados.

Sobre o sindicato dos bancários

Todas as conquistas da categoria bancária ao longo da história resultaram de intensos processos de mobilização, organizados pelo movimento sindical bancário. Muitas vezes, bancários enfrentaram a intolerância e a truculência dos banqueiros, que não respeitaram o direito de livre manifestação dos trabalhadores.

Os últimos anos têm sido marcados pelos enfrentamentos diante das fusões de bancos privados e reestruturações de bancos públicos.

As lutas se fortaleceram contra o assédio moral, as doenças ocupacionais, excesso de metas e cobranças. As assembleias, reuniões em local de trabalho e greves também ganharam força. Os direitos adquiridos pelos bancários não foram concedidos por generosidade. Todos os benefícios são frutos de muitas lutas a partir da organização e da unidade da categoria bancária.

Sobre o sindicato dos bancários

O Sindicato atua em 11 municípios da região, que compreendem a sua base territorial. São eles: Blumenau, Apiúna, Ascurra, Benedito Novo, Doutor Pedrinho, Gaspar, Indaial, Pomerode, Rio dos Cedros, Rodeio e Timbó.

O Sindicato participa também ativamente do Fórum dos Trabalhadores de Blumenau, do qual fazem parte os sindicatos de luta com base em Blumenau e Região, e do Fórum dos Movimentos Sociais de Blumenau, formado por pessoas e por representantes de diversas organizações populares da cidade.

Também é um dos principais apoiadores da Rádio Comunitária Fortaleza Adenilson Teles, por defender a liberdade de expressão e o pluralismo nos meios de comunicação.

Texto: Magali Moser

Fotos: Arquivo SEEB

Sobre o sindicato dos bancários

Controle sua privacidade

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Clique em "Minhas opções" para gerenciar suas preferências de cookies.

Quem pode usar seus cookies?

×

Cookies necessários

São essenciais pois garantem o funcionamento correto do próprio sistema de gestão de cookies e de áreas de acesso restrito do site. Esse é o nível mais básico e não pode ser desativado.
Exemplos: acesso restrito a clientes e gestão de cookies.

Cookies para uma melhor experiência (2)

São utilizados para dimensionar o volume de acessos que temos, para que possamos avaliar o funcionamento do site e de sua navegação e para oferecer a você melhores produtos e serviços.
Exemplos: Google Tag Manager, Pixel do Facebook, Google Ads, Google Analytics.mais detalhes ›

Shareaholic

Google Analytics - Estatística Básica


Warning: Unknown: write failed: Disk quota exceeded (122) in Unknown on line 0

Warning: Unknown: Failed to write session data (files). Please verify that the current setting of session.save_path is correct (/tmp) in Unknown on line 0